terça-feira, 18 de novembro de 2008

Sintomas básicos para o diagnóstico da depressão

1. Diminuição da energia – cansaço, preguiça, lentidão física e psíquica, apatia, desânimo, fadiga (principalmente pela manhã).

2. Diminuição do humor – tristeza, mau humor, variação do humor, sensação de vazio, angústia.

3. Diminuição da motivação – ausência de prazer, desinteresse por atividades antes prazerosas, isolamento social (não quer sair de casa).

4. Diminuição da concentração, memória e raciocínio (diminui a produtividade), diminuição da organização e planejamento.

5. Pensamentos negativos – pessimismo, idéias de inutilidade, doenças, fracasso, culpas, falta de sentido na vida, pensamentos de morte, “vontade de sumir”, desesperança, distorção na estimação dos fatos, excesso de preocupações.

6. Sentimentos negativos – insegurança, medos, autodesvalorização, sentimento de inutilidade, ansiedade (nervosismo), irritabilidade, impaciência, agressividade, pavio curto, choro mais fácil ou choro preso (não consegue chorar).

7. Alterações do sono – Insônia, que pode ser inicial, despertares freqüentes, acordar muito cedo e não dormir mais (idoso), mal dormir, acorda cansado ou sonolência diurna. Dormir muito tarde e acorda tarde (adolescente).

8. Alterações do apetite – Diminuição do apetite com perda de peso ou compulsão alimentar com ganho de peso. Atração por doces, chocolates.

9. Dores – dor de cabeça, nas costas, nas pernas, dor no peito (angústia), dores musculares (LER, fibromialgia), dor e tensão nos ombros e na nuca, dores em geral.

10. Queixas físicas – “agonia” na cabeça, queda de cabelo, sintomas digestivos(prisão de ventre, azia, indigestão, gases), alterações menstruais, diminuição da libido, “dormências”.
Postar um comentário